im.paciências.

sexta-feira, dezembro 19, 2008

o avião galga os últimos metros até à porta 71. ponto de paragem. ainda antes do aviso do comandante já os passageiros impacientes desapertam os cintos e abrem os compartimentos superiores. só o do lugar 20 C espera. que todos saiam. levanta-se ao ralenti. põe a mala do computador ao ombro e sai, despedindo-se das hospedeiras. uma breve olhadela ao ecrã. dirige-se à banda 3 para levantar a sua mala. pausa. longa. ainda demora muito? pergunta um menino dos seus 8 anos. deve estar aí a aparecer, diz a mãe, um tique nervoso no olhar. um, dois soluços e a bagagem começa a surgir. o passageiro do lugar 20 C encosta-se a um pilar e traça uma perna sobre a outra. mala a mala vão desaparecendo as pessoas pelo corredor. surge a sua. sem movimentos bruscos, pega-lhe e começa a rolar lentamente para a saída. as portas opacas abrem-se. olha brevemente, vira à esquerda, pára. em câmara lenta pousa a pasta do computador no chão, larga a mala. e desagua todo o nervosismo, toda a impaciência, toda a ansiedade, toda a espera, todos os longos minutos de todos os longos anos. num abraço forte.

10 comentários:

bf disse...

isso é de filme!
;)

diana disse...

Entrei por acaso neste blog e dei por mim a ler um post, dois, três, quatro... não conseguia parar. Apaixonei-me por este blog.


Voltarei se assim mo permitir.

Brida disse...

@bf ... tem ares disso, não tem? :)

@ diana, sê bem-vinda [(quantas vezes quiseres :)]

MS disse...

para além dos textos, adoro o aspecto do blog

joao disse...

E a foto também é tua?? gostei de tudo, do texto e da foto :)

Brida disse...

obrigada, ms :)

sim, joão, a foto também é minha :) aliás, excepto as duas dos filmes que andam por aí, todas as fotos são minhas.

M disse...

Bela polaroid... What's the sound? ;)

Brida disse...

desde o meio da semana que é pearl jam...wishlist, betterman ... a culpa não sei de quem é....:roll:

Anónimo disse...

encerra-se o tempo dentro dos bolsos. onde enterramos as mãos. frias. [?vazias?]. e já não à espera. já não é necessário aguardarmos por tudo. já se foi. ali.

um abraço.

joão
osdiasdasnoites.

jeff buckley.

Brida disse...

vazias, sim. frias, julgo que nunca :)
já vou ouvir, joão, já vou ouvir :)