pre.liminares. (I)

terça-feira, dezembro 23, 2008

abres a porta do restaurante para eu passar. afastas a cadeira ligeiramente, e voltas a encostá-la depois de me sentar. dás a volta à mesa e sentas-te à minha frente olhando-me pela primeira vez nos olhos. a ementa treme-te ligeiramente nas mãos (não sou só eu que estou nervosa?), mas quando me perguntas o que quero e fazes o pedido ao empregado já pareces seguro de ti como sempre. enquanto a comida não vem falamos daquilo que na brincadeira já tínhamos alinhavado como temas de conversa. trabalho. tempo. rubores. eu que sou mais calada fico por momentos quieta (eu não te avisei que isso poderia acontecer?) e tu fazes o que prometeste: ficas a olhar-me tempos infindos, até que não consigo senão soltar uma gargalhada e atirar-te com o guardanapo. sim, acho que foi uma boa maneira de quebrar o gelo...

8 comentários:

M disse...

ai ai... e é tão bom quando (finalmente?) deixamos quebrar o gelo... (assobios? :P)

Brida disse...

eu confesso que estava a ver qual das duas vinha assobiar primeiro....rapunzel...a M chegou primeiro a este...:P

MS disse...

também quero um jantar desses....já não me lembro do ultimo! (pelo menos do último que correu bem...)

Rapunzel disse...

não faz mal...eu não assobio! hj estou com tosse! cof cof...

bf disse...

Pois eu aposto que não haverá gelo!
Mas isso sou eu, que gosto de apostas altas!

Vanita disse...

Boas festas também para ti ;)

diana disse...

Linda maneira de quebrar o gelo.

Marta disse...

Já te sigo à uns tempos...
Ando fascinada com o que escreves e finalmente decidi iniciar-me nestas lides...nunca sou capaz de escrever o que vai cá dentro.
E também já não me lembro de um jantar desses, com borboletas na barriga.

Beijo

Marta B.